Bom, para fechar o capítulo das polémicas do Triatlo de Portimão.

Ninguém morreu, muita coisa podia ter sido melhor, mas aprende-se é com os erros e a federação portuguesa de triatlo é de certeza a primeira a estar atenta ao que correu mal e a ter todo o interesse em melhorar, para trazer mais atletas para a modalidade, para poder criar provas melhores e mais seguras para os atletas de elite e para os age-groupers…

ESTOU A BRINCAR, CALMA! 🤣