Embalagens de gel Inovadoras

Boa noite corredores,

Enquanto as unhas de gel que estou a desenvolver não chegam à fase final de produção estou a começar a trabalhar num outro produto para provas mais longas e que vai resolucionar o mercado de suplementos e esse tipo de coisas.

Aproveitei que 2 seguidoras do MeteVaselina não reclamaram o seu prémio no passatempo da batata-doce e pensei que isto era bom era em provas, mas comer e transportar uma batata doce em prova não seria prático.

Foi então que resolvi transformar a batata-doce em gel. Peguei nas batatas, juntei açucar, laranja e ovos e fiz um gel completamente saudável, 100% Natural. É Rico em hidratos de carbono, proteinas, vitaminas, fibras, controle de diabetes, redução de colestrol, manutenção da pele, articulações e cartilagens, regulação da pressão arterial, fortalece o sistema imunitário, combate o stress, a poluição, exposição solar e raios UV e outras coisas mais.

Novamente o problema de como devia transportar esta batata-doce agora em forma de gel.
Foi então que fiz algo verdadeiramente inovador. Criei uma embalagem leve, resistente, que pode armazenar doses individuais da batata-doce sem qualquer problema. E quem saber a melhor? É Amiga do ambiente! Sim, a embalagem que inventei pode ser comida! Se não a quiserem comer como fazem habitualmente com os gels podem atirar fora que é biodegradável.

Só ainda não decidi o nome do produto, estou indeciso entre MeteBatevias ou MeteAzetatas.

Ricardo Silva

Eu sou o Ricardo Silva e este é o meu blog …ou site ou sítio ou o que lhe quiserem chamar. Estou aqui para vos motivar, para vos ensinar cenas sobre corrida, running e algum jogging, para relatar os meus treinos e da minha crew, para vos ajudar a superar tudo e todos e para irem até ao infinito e mais além. A minha carreira como corredor começou muito cedo. Na zona onde eu vivia os jovens tinham por hábito atirar ovos no carnaval, e eu odeio ovos. Por isso treinava sempre o ano inteiro para chegando o entrudo conseguir ir de casa para a escola e vice-versa sem levar com um ovo na tola. Posso dizer que fui sempre bem-sucedido nesta matéria e até hoje nem 1 ovo aterrou na minha cabeça. Com o passar dos anos e a entrada para a faculdade a minha motivação para a corrida passou a ser outra. Tinha de apanhar 1 autocarro, 1 comboio, e barco e novamente um autocarro para chegar à faculdade. A margem de erro era mínima por isso tinha de andar sempre a correr para garantir que não perdia nenhum destes transportes. Hoje em dia corro porque está muito na moda. Toda a gente corre e tem roupas fluorescentes e perneiras e aparelhos cardíacos e palmilhas e dorsais e medalhas e empenos e geles e isotónicos e tudo e tudo e eu também preciso disso na minha vida. No meu currículo tenho provas de 3000m, mini maratonas de 4000m, provas de 10km e triatlos na distância de sixteenth-ironman entre outros. O meu objectivo na vida e na corrida é continuar a ser igual a mim próprio e evitar assaduras.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: