Resultados inquérito de satisfação

Bom dia Corredores.

Como sabem ontem convidei os fãs do MeteVaselina no facebook a responder a um inquérito para perceber melhor como estava o panorama das corridas em Portugal.
Agradeço desde já a todos os que participaram, venho então apresentar os resultados do meu estudo. Vou sempre que possível falar em percentagens no universo de todos os portugueses que julgo que este inquérito representa.

Sendo assim neste momento somos 20% mulheres, 72% homens e 8% outras coisas…

É notório que o fenómeno do running é algo recente pois 56% começou a correr há 2 anos ou menos, havendo obviamente quem tenha começado desde sempre e quem tenha começado ontem. 13% Corre 1x por semana, 13% corre 6x por semana. Curiosamente ninguém corre todos os dias já que até deus nosso senhor ao 7º dia descansou. 4% corre 2x por semana, 26% corre 3x por semana, 30% corre 4x por semana e 8% corre 5x por semana.

O fenómeno do trail é evidente no entanto não está em maioria com 52% a preferir trail e 60% a preferir estrada.

Pensei que todos os corredores fossem cuidadosos com a alimentação no entanto percebi que que tirando fritos que é evitado por alguns, uma boa parte não tem cuidado nenhum, leva-me a crer que até exista quem coma com as mãos.

Em relação ao resting, 60% dorme deitado, os outros não especificaram a posição mas 4% dorme nu, 4% descalço e 4% em conchinha (enquanto os seus pares dormem como uma pedra). 4% Não gosta de pijamas da hellokitty nem pantufas da mini.

Sobre o teste da passada novamente fui surpreendido pois apenas 26% fez o teste, 0% de supinadores, 4% de pés bonitos, 13% pronadores.

Os treinos sociais são sempre ao final do dia no entanto 43% dos corredores prefere correr de manhã, 13% de noite e 13% à tarde (devem estar desempregados ou então trabalham por turnos…) 8% gosta do sol e 17% prefere a chuva.

Sugestões para melhorar gostei de todas, não vou publicar os resultados para os blogs da concorrência não tirarem ideias. No entanto posso dizer que vou pensar em oferecer palmilhas, e avançar com a criação da linha de moda MeteVaselina.

Sobre a alimentação, no final das provas as organizações gostam de oferecer água e uma maçã, mas quando eu for organizar o trofeu MeteVaselina  no final vai haver pernil, carne de porco à alentejana, bacalhau, coiratos e feijoada de certeza.

Cor-de-rosa está mais que visto que é o novo preto. Se bem que salmão pelos vistos também tem muita saída.

Metade dos runners mete vaselina, a outra metade ou não mete nada ou então não sei o que mete.

Há quem ache que correr é ser maluco, quem ache que é divertido, e outros mais práticos que correr para fugir de animais selvagens ou para engatar miúdas. Há os que complicam tudo e correm para obter melhoria na condição psicossomática, prevenção de doenças cardiovasculares, neoplasias, dislipidémias.

Em relação a o que é mais importante numa corrida eu não devia divulgar porque já sei que a Xistarca e HMS vão aproveitar este estudo sem dar os devidos créditos ao metevaselina mas mesmo assim aqui vai. O que os corredores querem é bons fotógrafos. Bandas a tocar é o que menos interessa, logo seguido da cor da t-shirt. Bananas no final e quantidade de barracas a oferecer tralhinhas é também bastante importante para os runners.

O melhor blog de running não há duvida que este é o melhor com 82% dos votos. Os restantes 18% não acham este o melhor mas também não sugeriram nenhum, tirando um desgraçado que acha que o PAVNESC é melhor (LOL…) e outro que acha que o “O do barbudo que corre” é que é bom.

O ditado diz-me que numero calças dir-te-ei que numero vestes é um mito. Meninas deixem de olhar para os pés dos runners e a fazer contas porque não me parece que vão chegar a nenhum resultado certo. Há runners a calçarem 69 e vestirem XS e runners a calçarem 39 e vestirem XXL… Para quem compra ténis para revenda os números que tem mais saída é o 40 e 42/43.

Espero que o meu relatório vos sirva para melhor entenderem o mundo do running em Portugal.

Ricardo Silva

Eu sou o Ricardo Silva e este é o meu blog …ou site ou sítio ou o que lhe quiserem chamar. Estou aqui para vos motivar, para vos ensinar cenas sobre corrida, running e algum jogging, para relatar os meus treinos e da minha crew, para vos ajudar a superar tudo e todos e para irem até ao infinito e mais além. A minha carreira como corredor começou muito cedo. Na zona onde eu vivia os jovens tinham por hábito atirar ovos no carnaval, e eu odeio ovos. Por isso treinava sempre o ano inteiro para chegando o entrudo conseguir ir de casa para a escola e vice-versa sem levar com um ovo na tola. Posso dizer que fui sempre bem-sucedido nesta matéria e até hoje nem 1 ovo aterrou na minha cabeça. Com o passar dos anos e a entrada para a faculdade a minha motivação para a corrida passou a ser outra. Tinha de apanhar 1 autocarro, 1 comboio, e barco e novamente um autocarro para chegar à faculdade. A margem de erro era mínima por isso tinha de andar sempre a correr para garantir que não perdia nenhum destes transportes. Hoje em dia corro porque está muito na moda. Toda a gente corre e tem roupas fluorescentes e perneiras e aparelhos cardíacos e palmilhas e dorsais e medalhas e empenos e geles e isotónicos e tudo e tudo e eu também preciso disso na minha vida. No meu currículo tenho provas de 3000m, mini maratonas de 4000m, provas de 10km e triatlos na distância de sixteenth-ironman entre outros. O meu objectivo na vida e na corrida é continuar a ser igual a mim próprio e evitar assaduras.

2 thoughts on “Resultados inquérito de satisfação

  • Dezembro 1, 2015 at 1:40 pm
    Permalink

    Ok, não está mal para começar. A idade permitir-te.ia ter mais varíáveis de análise. Depois faltam aí os índices da distribuição da amostra, ou seja, tens de apresentar o universo sobre o qual trabalhaste e caracterizá-lo.

    Reply
  • Dezembro 1, 2015 at 10:41 pm
    Permalink

    Dentro do desvio padrão registado, longe de se adivinhar qual o traçado (não é calçado), tiveste uma atitude bestial (tentar, mas é difícil ser genial). O pessoal que aderiu (não sei se mentiu), com certeza gostou do inquérito (vá lá, teu mérito). Continua (sim, correr na rua), com uma certeza, que rima com acesa, ninguém quererá jamais ser calina (ou MeteVaselina)!

    Reply

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: